Você sabe o que são clínicos da dor?

Muitas vezes os focos de endometriose podem estar próximos ao nervo. Esse fator gera um quadro de dor local e também de dor referida/irradiada, que pode apresentar espasmo distante do local do foco da doença.

Dependendo da importância do nervo, a portadora da doença pode sentir dor ao caminhar, ao fazer xixi, câimbras nos membros inferiores, choque no local e no pior dos casos ficar sem andar.

A endometriose é definida como a presença de tecido endometrial (estroma e/ou glândulas) fora da cavidade do útero. Esta doença atinge 10 a 15% de mulheres em idade reprodutiva. Ela pode localizar-se em diversos locais e órgãos, com maior prevalência nas estruturas pélvicas.

Contamos com a expertise dos nossos especialistas no tratamento da dor pélvica e abdominal crônica. Pela avaliação criteriosa da situação de cada paciente, oferecemos soluções inovadoras para o controle e gerenciamento de diversos quadros. Um dos mecanismos é a neuromodulação utilizada para modificar e modular o sistema nervoso central e ou periférico, inibindo ou estimulando seus neurotransmissores.

Esse é um tratamento médico que conta com uma tecnologia avançada e consiste na aplicação de um campo eletromagnético para modificar e modular o sistema nervoso central e o sistema nervoso periférico. Outros mecanismos são os bloqueios anestésicos e a, radiofrequência são feitos em ambiente hospitalar com sedação, o paciente é liberado 3 horas após o procedimento e as infusões medicamentosas são feitas a nível ambulatorial.

ENTRE EM CONTATO: 0800 020 2019 / Opção 6

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *